Greve nacional do Ibama completa 10 dias

0

Superintendente disse que serviços emergenciais estão mantidos
A greve nacional do IBAMA completa 10 dias nesta sexta-feira, 16, em Sergipe o movimento teve início no dia oito de março. O principal ponto de reivindicação dos grevistas é pela reestruturação da carreira, o presidente da Associação dos Servidores do IBAMA em Sergipe, Fernando José dos Santos, disse que até o momento o Governo Federal não deu nenhuma resposta a solicitação.

 “O principal foco da nossa greve é com relação a reestruturação da carreira que lutamos desde 2002 e até agora o governo não deu nenhuma resposta. Nós apresentamos uma proposta e o governo outra, mas como nenhum dos dois aceitou a proposta de cada, nós estamos elaborando uma nova proposta que iremos apresentar no dia 20, caso o governo aceite, encerraremos imediatamente nosso movimento”, disse Fernando.

De acordo com o superintendente do IBAMA em Sergipe, Manoel Rezende Neto, a fiscalização está parada, somente as demandas emergenciais estão sendo atendidas. “Existe um percentual mínimo de 30% dos servidores que mantém os serviços essenciais. O ritmo de trabalho está mantido com o recebimento de documentos que possuem prazo, além disso, os serviços emergenciais também estão mantidos”, informou.

Por Bruno Antunes

Comentários