Gripe aviária repercute no mundo

0

A gripe aviária, que tem atacado aves nos quatro cantos do mundo, produziu um fenômeno impensável até pouco tempo atrás: a redução do consumo da carne de frango. Como maiores fornecedores do mundo deste tipo de carne, as empresas brasileiras passam por dificuldade, justamente porque muitos países suspenderam as importações, receosas de uma pandemia.

Embora ainda não se tenha registrado casos da passagem da gripe aviária de uma ave para o ser humano, os cientistas não descartam essa possibilidade. O Brasil, embora chegando um pouco atrasado ao pódio, já separou uma verba de 100 milhões de reais para iniciar estudos de combate à gripe, que pode se tornar perigosa à proporção que os casos vão diminuindo.

Seja como for, a gripe já causou o estrago que poderia se imaginar em todo o mundo: são milhares de aves – frangos, patos, marrecos, etc. – abatidos por conta do receio da propagação da doença. Daí, que os abatedouros de aves passam por situações delicadas.

Por Ivan Valença

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais