Grupo mobiliza condutores por segurança no trânsito no bairro Jardins

0
A Semana Nacional do Trânsito ocorre em diversas capitais, a exemplo de Aracaju. (Foto: Portal Infonet)

Uma série de ações estão sendo desempenhadas no trânsito de Aracaju a partir da Semana Nacional do Trânsito, que ocorre em diversas capitais de todo o país. Nesta quarta-feira, 18, a Superintendência Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT) realizou uma blitz educativa no cruzamento das avenidas Pedro Valadares e Sílvio Teixeira.

Coordenador do grupo teatral “Cones”, da SMTT, Hiel Gomes. (Foto: Portal Infonet)

A ação foi comandada pelo grupo teatral intitulado “Cones”, que atua via SMTT em eventos educativos, como palestras e blitzes. De acordo com o coordenador do grupo, Hiel Gomes, o Cones tem como objetivo se comunicar com a população por meio do entretenimento. “Durante todo o ano usamos o teatro como forma de comunicação e nesse período da semana nacional focamos e intensificamos as ações com a mensagem em músicas, de paródias que fazemos, atreladas ao trânsito, e objetivando a mudança de maus hábitos enraizados. É uma semana que todo Brasil está olhando para o trânsito e nós vamos fazer bonito para alcançarmos o público.”, menciona o coordenador.

Diretor de Trânsito da SMTT, Thiago Alcântara, destaca atuação da SMTT na semana. (Foto: Portal Infonet)

O diretor de Trânsito da SMTT, Thiago Alcântara, explica que a Semana Nacional do Trânsito é parte de um calendário desenvolvido pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que prevê atos em território nacional de 18 a 25 de setembro. “O objetivo é uma aproximação maior com a sociedade. Nós buscamos conscientizar os condutores, os ciclistas, os pedestres, todos os envolvidos no trânsito, para termos um trânsito mais humano, mais seguro”, argumenta o diretor.

Conforme ele, nesta semana a SMTT dá continuidade às atividades já desenvolvidas e formata uma programação específica para o período. “Iniciamos hoje aqui com a blitz no cruzamento da Pedro Valadares com Sílvio Teixeira e teremos palestras, outras blitzes educativas e apresentações teatrais.”, conclui.

por Daniel Rezende

Comentários