Grupos teatrais reforçam educação no trânsito

0
Grupos teatrais reforçam educação no trânsito

A preocupação com a educação é uma marca registrada da Prefeitura de Aracaju. Além de garantir o bom funcionamento da rede escolar, o cuidado com o tema pode ser visto também nos grupos teatrais vinculados à administração. O teatro da Secretaria Municipal do Meio Ambiente de Aracaju (Sema) e o grupo Cones, vinculado à Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), desempenham um papel fundamental de levar o conhecimento através da arte.

Os grupos trabalham com temas diferentes, mas de igual importância para o bom funcionamento da cidade. O grupo vinculado à Sema conta com quatro atores, estudantes do curso de teatro da Universidade Federal de Sergipe (UFS), e desde 2014 realiza ações sobre conscientização ambiental nas escolas e comunidades aracajuanas.  “Nós temos trabalhos de sensibilização ambiental, uma forma de levar o conhecimento e fazer com que as pessoas se sintam sensibilizadas e, a partir disso, possam modificar seu comportamento. A gente sente que o teatro é uma grande abertura para esse trabalho, nós conseguimos chegar às pessoas e às comunidades com um apelo muito maior do que apenas à equipe da secretaria”, esclarece a coordenadora de Educação Ambiental da Sema, Raphaella Ribeiro.

Para a montagem das peças, o grupo conta com uma equipe multidisciplinar que dialoga com os atores e define qual será o enfoque dado às apresentações. “A montagem das peças sofre diversas influências porque a Sema apresenta um forte trabalho de interdisciplinaridade. Contamos com geógrafos, assistentes sociais, biólogos e outras formações. Assim, nós formamos um conselho técnico e debatemos qual o tema e o tratamento que daremos a ele. Então, esse material que a equipe técnica produz é repassado para o nosso grupo de teatro para que eles possam definir como vão trabalhar”, ressalta Raphaella.

O grupo Cones passa por um processo de criação semelhante. Hoje, ele conta com nove atores, também estudantes da UFS, e dois assistentes técnicos. “O nosso processo de montagem é bem dinâmico. Todos contribuem com ideias. Fazemos montagens específicas para públicos específicos, sempre tomando cuidado para conscientizar e educar o público”, afirma a coordenadora do grupo, Leanne Morais.

O futuro está nas escolas

Os grupos teatrais são importantes para a transformação da cidade de Aracaju, contribuindo por meio das ações educacionais, para a formação de gerações mais conscientes. “O papel da educação é transformar a sociedade em um lugar mais humanizado. O nosso trabalho é conscientizar os futuros integrantes do trânsito para que eles possam conviver nessa esfera com uma tranqüilidade maior comparada a que vivenciamos hoje”, opina o coordenador de Educação da SMTT, Jorge Luiz.

Para evidenciar essa preocupação, muitos dos trabalhos realizados por eles são levados às escolas municipais. Local onde podem contribuir efetivamente para a formação das novas gerações. “Sou o integrante mais antigo do grupo Cones, entrei no começo de 2014. É sempre muito prazeroso usar nossa linguagem teatral para educar e a resposta é sempre positiva”, explica o ator Hiel Gomes.

No âmbito escolar, os dias de apresentação são sempre cercados por muita animação. “É uma mudança de rotina nas escolas, o que gera bastante interesse e facilita o aprendizado. É também a oportunidade de levar o conhecimento de outra maneira. Além de que, as crianças são pontes para as comunidades. Elas compartilham as informações adquiridas.  Isso é gratificante”, concorda o ator Paulo Rodrigues.

Fonte e foto: PMA

Comentários