Guardas municipais protestam na Prefeitura de Aracaju

0
Guardas municipais protestam na Prefeitura de Aracaju contra atrasos no ticket e reunião com Edvaldo (Foto: Portal Infonet)

Os agentes de segurança da Guarda Municipal (GMA) estão concentrados desde as 6h da manhã desta segunda-feira, 8,  na entrada da Prefeitura de Aracaju. A classe reivindica uma reunião com Edvaldo Nogueira (PC do B), para tratar de questões financeiras e de condições de trabalho.

A categoria alega que convive com constantes atrasos no pagamento do vale-alimentação, que desde março do ano passado houve redução nos vencimentos de parte dos trabalhadores, além de não ter concedidas promoções e progressões salariais próprias da atividade. Além disso, existe a reclamação também de pontos estruturais. As viaturas locadas estariam deterioradas, sem condições de rodar, e a manutenção dos veículos próprios esbarra na falta de recursos, de acordo com o Sindicato dos Guardas Municipais de Aracaju (Sigma).

Éder Rodrigues, presidente do Sigma, conta que existem viaturas operando em condições precárias (Foto: Portal Infonet)

O presidente do sindicato, Éder Rodrigues, reclama da situação atual da corporação. “O guarda tem tirado do próprio bolso para se alimentar, a Semdec [Secretaria Municipal da Defesa Social e Cidadania] não repassa recursos suficientes para que a Guarda faça um bom trabalho. Até para adquirir um pneu nós temos dificuldades”, protesta. “Existe uma falta de atenção por parte do prefeito. Há mais de um ano que não nos recebe e nem tem previsão. O secretário disse que as pendências seriam resolvidas, e nada aconteceu”.

Caso não haja conversa, os servidores pretendem, até o fim do mês, tomar uma nova medida. “Se em fevereiro não houver diálogo, vamos paralisar as atividades. Vamos comparecer apenas até a base, no Parque da Sementeira, até que sejamos atendidos. Infelizmente, chegaremos a este extremo”, garantiu Rodrigues.

Através de nota, a assessoria do prefeito Edvaldo Nogueira garantiu que o diálogo da categoria com a Semdec tem sido permanente, estar atenta às demandas, e que mantém as portas abertas. "No que se refere aos temas que integram a pauta da mobilização, é importante ressaltar que o valor do auxílio refeição, referente ao mês de dezembro,  já foi pago e toda a situação do benefício estará regularizada na segunda quinzena deste mês. Com relação à situação das viaturas,  cabe esclarecer que elas são locadas,  competindo  à empresa prestadora do serviço a manutenção dos veículos. Além disso, com base no planejamento estratégico, está previsto o reforço com mais 18 novos veículos". 

Por Victor Siqueira

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais