Homem é preso por exploração sexual de adolescentes na capital

0

Delegada Mariana Diniz / Foto: Reinaldo Gasparoni
O Centro de Atendimento aos Grupos Vulneráveis (CAGV) da Polícia Civil prendeu na noite desta quarta-feira, 27, em uma casa de prostituição do bairro Siqueira Campos, em Aracaju, um homem acusado de explorar sexualmente meninas com idade entre 15 e 16 anos. José Aloísio Santos Matos, 33 anos, conhecido como “Alejandro” ou “Cigano” é dono de vários estabelecimentos de exploração sexual na capital.

 

De acordo com a delegada Mariana Diniz, as investigações começaram em julho do ano passado depois que uma adolescente, desesperada, conseguiu fugir e pediu ajuda a um taxista alegando que era mantida presa em uma casa de prostituição. A menina foi levada para o Conselho Tutelar que por sua vez a encaminhou para o CAGV. “A partir daí, iniciamos as investigações e concluímos que Alejandro faz tráfico interno de adolescentes e mulheres”, disse Mariana.

 

As investigações apontaram que o acusado recruta mulheres e meninas no interior para “trabalhar” em uma de suas casas de prostituição: Maria Bonita (antiga Brasileirinhas), Strip Drink, ABC Pousada, Scar Bar e Castelo de Ouro. Durante as investigações também ficou comprovado que clientes pagavam a Alejandro para se relacionar com as meninas. “Somente com a remessa do inquérito policial ao Judiciário é que foi expedido um mandado de prisão contra o acusado”, destacou a delegada.

No momento da prisão, 15 pessoas estavam no prostíbulo Castelo de Ouro, mas alegaram que trabalham no local. Não foi encontrado adolescentes e nem drogas. “Apesar de não termos encontrado meninas, durante a fase do inquérito comprovamos a existência da prostituição infanto-juvenil”. De acordo com a delegada Daniela Lima, responsável pela execução da prisão, Alejandro será indiciado por tráfico interno de mulheres e adolescentes e exploração sexual de crianças e adolescentes. O acusado está preso à disposição da Justiça.

 

Fonte: SSP

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais