Homem mata ex-companheira e deixa dois feridos

0

A cabeleireira Ângela Maria dos Santos, 34, foi assassinada a tiros disparados pelo ex-companheiro Edival Nunes da Conceição, 57. Além de matar a ex-companheira, Edival atirou contra dois cunhados da vítima, Marcos Vieira Santos Dórea e José Raimundo Vieira Santos Dórea, que permanecem internados no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse) e o estado de saúde de ambos inspira cuidados.

Segundo testemunhas, a cabeleireira estava em casa com a família quando Edival da Conceição chegou armado e entrou na residência da vítima. Os tiros atingiram Ângela, o grupo reagiu na tentativa de evitar o crime, mas os dois rapazes, cunhados da vítima, acabaram atingidos também. Mesmo ferido, um dos cunhados saiu em perseguição ao agressor, que acabou preso.

Autuado em flagrante, segundo informações do delegado Flávio Albuquerque, Edival responderá por homicídio qualificado.
De acordo com as irmãs, Ângela sofria ameaças do ex-companheiro. Chegou a passar um período fora de Sergipe e retornou. Ela já havia prestado queixa na Delegacia de Polícia e as testemunhas garantem que não houve ação da Polícia para prevenir a tragédia, que acabou consumada neste domingo, 30.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais