Indiciada por morte do filho, mulher é presa ao se entregar à polícia

0
Menino morreu por lesão cerebral e não por queda, como relataram os genitores (Foto: SSP/SE)

A mãe de um menino de um ano e quatro meses, se entregou na 1ª Delegacia Metropolitana (1ª DM), em Aracaju, na última sexta-feira, 25. A criança morreu em decorrência de uma lesão cerebral, mas os pais alegaram que o menino tinha morrido após ser socorrido depois de uma queda. O caso aconteceu no dia 18 de fevereiro em Itabaiana.

De acordo com a delegada Lorena Rocha, da Delegacia de Atendimento a Grupos Vulneráveis de Itabaiana (DAGV), o pai da criança, já havia sido preso anteriormente. O procedimento investigativo apurou que a causa da morte era totalmente diferente do que foi narrado pelos pais da criança. Diante do apurado, foram representadas as prisões junto à Justiça.

“O lapso temporal da hospitalização não é compatível e segundo as informações técnicas acostadas aos autos, a causa da morte da criança foi uma lesão cerebral, com a ausência de qualquer fratura no crânio, que é bastante compatível com o quadro que é mais conhecido como síndrome do bebê sacudido”, destacou.

Após a prisão do pai da criança, as buscas pela mãe do menino continuaram em andamento. A investigação contou com o apoio da Divisão de Inteligência (Dipol), das Delegacias de Campo do Brito e Maruim, além do recebimento de informações pelo Disque-Denúncia (181). Inicialmente, ela foi localizada pelos policiais, mas conseguiu fugir. Na sexta-feira, ela se entregou, na presença de advogado, em Aracaju.

Fonte: SSP/SE

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais