Infra-estrutura de feira do Orlando Dantas vira debate no MP

0

Foi realizada hoje, 12, uma audiência pública no Ministério Público Estadual, através da Promotoria dos Direitos do Cidadão Especializada em Serviços de Relevância Pública, representada pelo promotor de Justiça Elias Pinho. A finalidade foi tratar de problemas de infra-estrutura da feira-livre do conjunto Orlando Dantas.

A Emsurb disse que desde a última semana de novembro os funcionários da empresa passaram a intensificar a fiscalização da feira na localidade, providenciando cadastro, banheiros químicos e dando um melhor acompanhamento na arrumação das bancas.

Porém, na oportunidade foi argumentado que as bancas têm trazido transtornos para os moradores da Rua 8. Eles apontaram como solução o deslocamento das bancas do Colégio do Município até a Rua 02, e da Rua 01, para a parte interna da praça e na Rua 07. Ficando a Emsurb responsável, por no prazo de 10 dias, de informar a possibilidade da execução da proposta oferecida.

Foi acordado ainda que seja diminuído o número de bancas que não estão sendo ocupadas, assim como que as ocupadas permaneçam em lugares onde os moradores não contestem. Presente na audiência os reclamantes e representantes da AMDECOM, da Emsurb e Fabaju.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais