Integrantes do MST continuam detidos na delegacia de Neópolis

0

Ainda continuam detidos na delegacia de Neópolis os dois integrantes do Movimento dos Sem-Terra (MST) que foram presos ontem, 14. São eles: Zenilde do Nascimento e José Augusto Santos Moura. Os líderes do movimento em Sergipe seguiram hoje, 15, pela manhã ao município, a 121 km de Aracaju, juntamente com o advogado do MST para tentar liberar os sem-terra.

Será entregue um habeas corpus ao desembargador de plantão e possivelmente ainda neste sábado os presos poderão ser soltos. “Como foi uma coisa muito mal feita [a determinação da juíza] a gente acredita que qualquer desembargador que esteja de plantão será favorável à liberação”, acredita um dos líderes do movimento, Esmeraldo Leal, que desde ontem acompanha de perto o desenrolar da questão.

A prisão dos dois foi motivada por uma determinação da juíza da comarca de Neópolis Rosivan Machado da Silva, depois deles terem participado da ocupação dos lotes pertencentes ao Platô de Neópolis. Na terça-feira passada a juíza já havia expedido liminar de despejo para que os sem-terra se retirassem do local.

Ontem, 14, Zenilde e José Augusto foram intimados a comparecer à delegacia do município e chegando lá souberam da ordem de prisão.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais