Intermunicipal: prazo para retirada termina em 60 dias

0

As linhas deixaram de circular no Terminal Luiz Garcia (Foto: Arquivo Infonet)
Na manhã desta segunda-feira, 27, o superintendente da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), Osvaldo Nascimento, explicou que a decisão de proibir a circulação de transporte coletivo intermunicipal  partiu do Ministério Público em audiência realizada com empresários que assinaram um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) visando à transferência.

“Não temos nada a ver com a decisão do Ministério Público de convidar empresas de transporte coletivo intermunicipal para que eles retirem as linhas do Centro da cidade e estacionem no Terminal Rodoviário José Rolemberg Leite. A partir daí é que entramos para colocar o nosso sistema para atender a essa demanda”, esclarece Osvaldo.

Clandestinos

Osvaldo diz que deverá apertar a fiscalização aos clandestinos (Foto: Portal Infonet)
Preocupada com a demanda de passageiros e o transporte clandestino, Osvaldo salienta que a fiscalização será reforçada. “Não tenha dúvida de que vamos reforçar o sistema de fiscalização, nossos agentes serão preparados poder coibir o abuso que vier a acontecer por ventura em função dessa mudança”, acrescenta o superintendente, que frisa que não deverá aumentar o número de veículos.   

“Provavelmente não vamos aumentar o número de veículos porque temos várias linhas que já fazem esse mesmo trajeto do que é feito por esses ônibus intermunicipais, mas se precisar vamos colocar sem problemas”, diz o superintendente da SMTT. 

Por Kátia Susanna

 

 

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais