Irmã de preso faz denúncia de maus tratos

0

Cacho: garante que vai apurar situação
Hoje, durante um programa de rádio, Denise Melo, irmão do prisioneiro da Penitenciaria de São Cristóvão, Alex Melo, fez uma denúncia contra os maus tratos que seu irmão e outros presos estariam sofrendo. Alex, de 25 anos, foi um dos detentos que tentaram escapar do presídio e foi recapturado. Segundo Denise, durante a tentativa de fuga, ele foi baleado três vezes e se encontra na cela sem atendimento médico.

“Ele está na cela ao invés de ir para a enfermaria. Semana passada eu fui entregar os remédios para o meu irmão e a assistente mandou que o enfermeiro entregasse a ele. Uns quatro dias depois eu fui lá para saber e o próprio enfermeiro disse, na frente da assistente Social, que tinha entegrado para os remédios para outro preso”, contou Denise pedindo providências por parte das autoridades responsáveis.

Denise aproveitou, também, para dizer que parte dos alimentos que os parentes levam, todas as quartas-feiras, não estariam sendo entregues aos presidiários. Segundo ela quando perguntam aos detentos se eles receberam o que foi levado, sempre faltam coisas. “Eu não estou pedindo que as autoridades acreditem no que eu estou dizendo, só estou pedindo que venha até o presídio e conversem com os presos e averigúem o que está acontecendo”, explicou.

O secretário de Justiça do Estado, Manuel Cacho, conversou ao vivo com Denise Melo e solicitou que ela se dirigisse imediatamente para a Secretaria de Segurança para que pudesse conversar com ele e dar mais detalhes da Denúncia. “A gente anotou a denúncia e eu gostaria que ela (Denise) fosse agora à Secretaria de Justiça para que nós possamos apurar com mais propriedade e mandar averiguar o fato, o mais rápido possível”, disse o secretário.

Manuel Cacho disse ainda que neste fim de semana a secretaria convocou todo os guardas do sistema prisional para ir até o presídio de São Cristóvão para corrigir algumas operações que estão sendo feita. “Nós discutimos e trocamos idéias sobre formas de melhorar o sistema, além de conversamos com os funcionários e com as famílias dos presos”, disse acrescentando que os presídios de Nossa Senhora da Glória e Areia Branca estão sendo reformados e que a verba para terminar o Presídio de São Cristóvão, que segundo o secretário só será realmente seguro com a reforma e a compra dos equipamentos de segurança, já foi conseguida.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais