Jacaré é resgatado pela Adema no Conjunto Santa Lúcia

(Foto: Adema)

Uma equipe de fauna da Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) fez o resgate de um jacaré-de-papo-amarelo (Caiman latirostris) que se encontrava na garagem de uma residência no Conjunto Santa Lúcia, no bairro Jabotiana, Zona Oeste da capital sergipana, e que estava causando medo aos moradores.

Após a contenção e avaliação veterinária, os profissionais constataram tratar-se de um filhote de sexo indefinido, de aproximadamente seis meses de idade, medindo cerca de 50 centímetros, pesando 5 kg e bastante agressivo.

Por se encontrar saudável, sem apresentar nenhuma lesão aparente ou problemas que impossibilitassem a sua soltura, para a segurança da população e do próprio animal, ele foi encaminhado para uma área de reserva ambiental distante dos centros urbanos onde será devolvido ao seu habitat.

Segundo o veterinário da Adema, Daniel Allievi, a hipótese é que o jacaré tenha chegado até a casa dos moradores por meio de um canal. “Por ter como seu habitat, rios e lagoas, e como no conjunto residencial existe tanto o curso d’água quanto pequenos lagos, provavelmente o réptil deve ter saído de seu habitat natural, adentrado o canal e ido parar na residência que fica próxima à vala de passagem d’água”, explica.

A Adema ressalta à população que em caso de encontrar animais silvestres fora de seu habitat, sobretudo feroz como esse tipo de réptil, o recomendado é acionar os profissionais do órgão ambiental por meio do telefone (79) 9 9191-5535, para que o resgate seja realizado de forma apropriada e segura.

Fonte: Sedurbs

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais