Licitação da Secom do Estado entra na segunda fase

0

Hoje, dia 16 de junho, às 9 horas, no auditório do Palácio de Despachos, a Comissão Permanente de Licitação (CPL) do Governo do Estado deu início a segunda fase da concorrência da Secretaria de Estado da Comunicação (Secom). Nesta etapa foram abertos os envelopes com as propostas técnicas. O procedimento foi acompanhado pelos representantes das agências que participam do processo.

 

Contúdo, antes da abertura dos envelopes, que foram conferidos e rubricados pelas agências, o presidente da CPL, Mário Arthur Barbosa, informou que os recursos apresentados pela Mídia

Mário Arthur Barbosa, presidente da CPL
Publicidade e a Ecos Comunicação, solicitando a permanência das mesmas no certame, foram acatados.

 

“Entendemos que as questões que haviam desclassificado as agências não prejudicavam a proposta técnica. Além do mais, o Governo orientou que o máximo de empresas participassem da concorrência, desde que não prejudicasse a lisura do processo”, explicou o presidente da CPL.

 

Com isso, o processo licitatório volta a contar com dez agências que disputam cinco lotes da conta publicitária do Governo do Estado que, segundo divulgado pela Secom, gira em torno dos R$ 30 milhões. Segundo Barbosa, o resultado desta fase tem previsão para ser divulgado dia 5 de julho, no mesmo horário e local. A partir daí, as empresas terão um prazo de cinco dias úteis para entrar com recursos.

 

Neste momento serão analizados os trabalhos e as peças apresentados pelas agências, ou seja, as campanhas que as empresas elaboraram para participar da licitação. Por fim, o presidente da CPL acrescentou que depois de encerrada esta etapa será dado início a terceira, e última, fase do processo: a de abertura das propostas de preço. A previsão é de que o resultado final do certame só seja divulgado no final de julho.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais