Licitação para feiras livres será aberta nesta sexta, 5

0
Novo modelo de feira em Aracaju (Imagem: Emsurb)

Com base no projeto de reestruturação das feiras livres da capital, a Prefeitura de Aracaju por meio da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb), anuncia que nesta sexta-feira, 5 de dezembro, estará sendo publicado o aviso de licitação que aborda a concessão de serviço público para organização e manutenção das feiras livres realizadas em espaços públicos do município de Aracaju. A abertura das propostas está prevista para acontecer no dia 8 de janeiro de 2015.

Atualmente, são 34 feiras livres distribuídas em diversas regiões e que a partir deste processo serão readequadas de acordo com o presidente da Emsurb, Edson Leal. “A proposta é de que todas as feiras passem por uma reestruturação através da padronização de bancas, toldos, balcões refrigerados para comércio de carnes e peixes, por exemplo, para que não sejam extintas e a partir daí, tenham uma melhor qualidade nos produtos ofertados para a população”, destacou.

A concessão será dividida em cinco lotes de responsabilidade das empresas que obteve êxito no processo licitatório. “Após esta fase, serão exigidas uma nova postura como de manter a limpeza, atender os critérios da vigilância sanitária, uso de uniformes, cumprimento do horário de funcionamento, efetuar o descarte correto dos resíduos e demais obrigações que terão uma grande contribuição ao processo de readequação das feiras livres da capital”, justificou o gestor.

Curso de Implantação Orientada para Feirantes

Ao longo do ano de 2014, muitos feirantes que atuam em feiras livres participaram do Curso de Implantação Orientada para Feirantes, ministrado por instrutores do Senac na Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb), em que eles aprenderam a lidar com o manuseio de alimentos. Dentre as orientações passadas, estão noções de microorganismos, higiene pessoal, possibilidade de contaminação dos alimentos e como evitá-la, doenças vinculadas aos alimentos, cuidados com os resíduos produzidos e como descartá-los corretamente, higienização das mãos, refrigeração e transporte adequado dos produtos.

O curso é renovado anualmente e todo feirante deve realizar a capacitação, já que este item será exigido aos concessionários.

Fonte: AAN

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais