Mãe acusa policial de ter baleado o filho

0

Com medo a mãe do jovem baleado diz que quer Justiça
O desempregado Diego Bispo, de 21 anos, acusa um policial militar de ter atirado nele no último sábado, 4. O fato aconteceu quando o jovem estava em frente à casa da irmã, localizada no Bairro América e foi abordado por PM. Segundo informações dos familiares da vítima, Diego não esboçou nenhuma reação, mas o policial sacou a arma e atirou.

Diego foi levado para o Hospital de Urgência e Emergência de Sergipe (Huse) com um tiro nas costas. Após passar por uma cirurgia, o jovem foi liberado no último domingo, 6, porém a bala ficou alojada na axila.

Muito assustada e indignada com o fato, a mãe procurou nesta segunda-feira, 7, o comando da policia militar, mas foi informada que deveria levar o caso à corregedoria. Desorientada, dona Marli dos Santos reclama que ao chegar à corregedoria foi orientada a procurar a ouvidoria militar.

“Não sabemos para onde vamos e o que vamos fazer. Meu filho está em casa se recuperando de um tiro e o policial ainda ameaçou toda a minha família. Estamos com medo”, desabafa.

Ameaças

Essa não foi a primeira vez que o policial agrediu o jovem. De acordo com o pai de Diego, Armando Tavares, na última quinta-feira, 3, o policial encontrou com seu filho próximo à sua residência, localizada no bairro América, e o esbofeteou, esmurrou e deu várias coronhadas na cabeça do jovem. “Meu filho não fez nada, ele estava próximo de casa com alguns amigos e o policial Eduardo juntamente com Nascimento agrediu ele. Diego disse que iria procurar a justiça e desse dia em diante o policial Eduardo disse que iria matar meu filho”, relata Armando.

O aposentado diz ainda que durante a última agressão que terminou no tiro, o policial teria ameaçado toda a família do rapaz. “Estamos muito assustados com o que aconteceu, não sabemos o que fazer porque meu filho é um menino bom e não merece isso”, diz Armando.

Por Kátia Susanna

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais