Mais um protesto de vendedores ambulantes nesta manhã

0
Fiscalização dos ambulantes continua (Foto: Portal Infonet)

Vendedores ambulantes realizaram mais um ato de protesto no Centro de Aracaju na manhã desta terça-feira, 21. Eles alegam que foram impedidos por fiscais da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb) de trabalharem na última segunda-feira, 20.

O vendedor Jailson de Jesus comercializa frutas há oito anos no Centro da cidade. Ele conta que foi um dos vendedores impedidos de comercializar na rua José do Prado franco, ao lado do Mercado Thales Ferraz. “A gente só quer um local para trabalhar, pois somos pais de família. Ontem tive um grande prejuízo porque me tiraram daqui e não comercializei minhas frutas”, reclama.

De acordo com a comerciante Rosimary Mota, os vendedores não foram informados quanto a retirada das bancas. Ela afirma que mais manifestações serão realizadas até que a situação seja resolvida. “Se as bancas estão causando tumulto que eles coloquem os comerciantes em pontos diferentes. Assim como os donos de lojas, nós também pagamos impostos".

Ambulantes afirmam que estão sendo impedidos de comercializar

Ainda segundo a vendedora, os vendedores não receberam nenhum aviso prévio quanto a retirada das bancas. Desde o ínicio da manhã uma equipe da Emsurb  se encontram na rua José do Prado Franco realizando a fiscalização das bancas.

Emsurb

A assessoria de comunicação da Emsurb enviou nota sobre posicionamento da empresa: "O objetivo da ação da Emsurb no Centro da cidade é reorganizar ruas e
calçadas para o melhor fluxo de veículos e pedestres. Desta forma, o
trabalho dos fiscais é o de coibir a atuação dos comerciantes informais que
não têm autorização para atuar no local.

Desde o dia 2 de janeiro a Emsurb sempre esteve à disposição para negociação
com todas as categorias, inclusive sobre outros locais para comercialização
dos ambulantes".

Por Adriana Freitas e Kátia Susanna

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais