Malotes roubados tinham cheques e documentos

0

Os 21 malotes roubados na tarde da última terça-feira, 31, por dois homens não identificados na Avenida Rio Branco, no centro da capital, continham  apenas cheques e documentos. Essa é a informação passada pela delegada Daniele Garcia, do Centro de Operações Especializadas da Polícia Civil (Cope). De acordo com a delegada, apenas R$ 400 em espécie foi levado do motorista.

Os cheques já foram bloqueados pelos bancos e nenhum cliente vai sofrer prejuízo. Os assaltantes esperavam encontrar, em média, R$ 80 a R$ 100 mil reais. “Os cheques eram de outros bancos que seriam depositados no Banco do Brasil”, declara Daniele.

A delegada não descarta a possibilidade de informações privilegiadas terem sido passadas para os assaltantes, porém, de maneira vaga. “Alguns funcionários serão investigados, inclusive o motorista do carro”, diz Daniele.

Como aconteceu o crime

Na tarde da terça, 31, dois homens roubaram 21 malotes de quatro agências bancárias de Aracaju. O crime aconteceu quando um funcionário da prestadora de serviços para bancos saiu da agência e, de carro, seguiu até o semáforo da Rua Laranjeiras.

Os assaltantes o abordaram e levaram os malotes, que estavam sendo levados para Salvador. Foram roubados 11 malotes do Banco do Brasil, cinco malotes do Banese, três da Caixa Econômica Federal e dois do Bradesco.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais