Mesários têm direito à folga depois das eleições

0

Nas eleições, o cidadão que desempenhar o papel de mesário tem, por direito, um dia de folga pelos serviços prestados. Mas, é preciso que esta folga seja antes conversada com o empregador. “O trabalhador não pode ser despedido por este motivo, mas ele tem que entrar em um consenso com seu patrão para poder tirar a folga”, diz Célia Maria Andrade, delegada do Trabalho em Sergipe.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais