Mesmo com pandemia, Capela faz cortejo com estandarte de São Pedro

0
Em parte de vídeo, idosa, criança e um homem aparecem próximos e sem máscara nos rostos (Foto: Retirada de vídeo publicada no instagram da prefeita Silvany Mamlak)

A abertura do mês junino na cidade de Capela, na noite deste domingo, 31, foi marcado pelo hasteamento do estandarte de São Pedro, tradição no município. O cortejo ocorreu aos sons de zabumba e pífanos e reuniu grupos folclóricos. O problema é que a festividade ocorreu em meio à pandemia da Covid-19, quando a recomendação é ficar em casa e promover o distanciamento social, para evitar o risco de contágio do vírus. Em vídeos que circulam pelas redes sociais, é possível observar moradores da cidade, crianças, músicos e idosos envolvidos com o cortejo, alguns deles sem fazer o uso de máscaras. Veja o vídeo abaixo:

A publicação nas redes sociais da prefeitura, ainda na manhã do dia 31, informava que a abertura dos festejos juninos da cidade, neste ano, seria de forma simbólica, por causa da pandemia. O município informou que às 23h30 haveria transmissão ao vivo do tradicional Folguedo de Sarandaia, manifesto que sempre marca o início das festividades. O comunicado, no entanto, não fez com que os moradores permanecessem em suas casas.

Apesar de ter ocorrido em uma dimensão muito menor que em anos normais, o cortejo acabou passando nas portas das residências de moradores ícones da cidade, envolvendo idosos e crianças, como pôde ser observado em trechos dos vídeos publicados na rede social da prefeita Silvany Mamlak.

A própria prefeita e familiares aparecem nos vídeos segurando o estandarte de São Pedro. A festividade se encerrou com o hasteamento do símbolo em uma praça da cidade. A aglomeração também não teve a intervenção da Polícia Militar. De acordo com o major Joaldo, que comanda o policiamento militar na região, a PMSE não recebeu denúncias de aglomerações, por isso não interviu na festividade.

Nossa reportagem tentou contato com a prefeita e com o secretário de comunicação do município, mas não obteve sucesso. O Portal Infonet permanece à disposição por meio do telefone (079) 99642-9640 ou e-mail jornalismo@infonet.com.br.

Por Ícaro Novaes

Comentários