Missas e homenagens marcam o Dia de Finados

0
Missas para confortar os parentes e amigos (Fotos: Portal Infonet)

O feriado do Dia de Finados é marcado por homenagens nos cemitérios da capital e interior do Estado. Os milhares de visitantes são recebidos com missas e celebrações com cânticos que homenageiam os entes queridos.  Na manhã deste domingo, 2, os visitantes puderam assistia a missa proferida pelo Padre Paulo Lima, da paróquia do Sol Nascente, localidade que fica na zona sul da capital sergipana.

O padre destacou que no dia de hoje é importante lembrar que apesar da dor e saudades Deus tem uma morada preparada para todos os seus filhos. Ao ler a passagem bíblica de São Paulo, o padre frisou que o morrer com Deus traz a certeza da salvação. “A morte não é o fim, existe uma morada preparada para todos os filhos de Deus. Não podemos pensar a morte como o morreu e acabou. A nossa vida tem sentido porque cremos na ressureição de Cristo que morreu por nós”, disse.

Padre Paulo Lima lembra a esperança da ressureição

José Cícero de Souza, que participa do Encontro de Casais com Cristo da Arquidiocese de Aracaju, lembra que o Dia de Finados é momento para reflexão. “Temos que refleti neste dia de uma forma alegre porque sabemos que sentimos pela partida de quem amamos, mas cremos na ressureição de Jesus Cristo e isso deve nos deixar felizes”, acredita.

Há 18 anos, Maria Feitosa perdeu a mãe e neste domingo aproveitou para lembra a perda com fé na crença. “Estou aqui visitando minha mãe que morreu há 18 anos e meus irmãos. É triste a morte, mas tenho fé em Deus”, fala.

Milhares de sergipanos assistem as missas

A fé traz a esperança da ressureição

Confira programação de Missas

Cemitério São Benedito
11h00- Dom José Palmeira Lessa
14h30 – Pe. Cláudio Dionizio Rocha Santos
16h30 – Pe. Franco Senigagliesi
Cemitério Santa Isabel
11h00 – Pe. Bernardino de Santana Filho
15h00- Pe. Marcelo Conceição
16h30  – Pe. Alberto Barros
Cemitério São João Batista

11h00 – Pe. Paulo Lima
15h00 – Dom José Palmeira Lessa
16h30 –Frei Gleizer Campinho
Colina da Saudade
16h00 – Pe. Antônio Peixoto
Cemitério Atalaia
16h00 – Pe. Genivaldo Garcia
Cemitério Cruz Vermelha
11h00 –  Pe. Valdemir Vicente
15h00 – Pe. Manoel Barbosa
16h30 – Pe. José Enaldo Menezes
Cemitério do ABC
16h – Pe. José Almi

Por Kátia Susanna

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais