Moradores dizem que vão invadir abrigo

0

Casas foram invadidas pela água
Lixo, lama e muita água tomaram conta das residências de moradores da rua Sete de Setembro, nas Malvinas, localizado no bairro Aeroporto. Com medo de desabamentos na manhã desta segunda-feira, 12, populares ficaram nas ruas do conjunto e prometeram invadir uma escola da localidade para se abrigarem.

De acordo com o garçom José da Soledade Cruz, a população não foi procurada por nenhum representante do poder público. “Estamos sem saber para onde ir, desde ontem [11] que retiro água da minha casa. Está tudo perdido, não tenho mais nada, a água tomou conta de tudo. O pior é que não teve ninguém aqui para nos ajudar, cadê os nossos políticos que não aparecem quando a gente precisa”

O lixo e a lama tomou conta do local
desabafa José.

Situação semelhante enfrenta José Jesus Alves que teve a casa invadida pela água das chuvas. “Está tudo por cima de bloco e de madeiras, a chuva levou tudo que tinha, agora o que todos querem aqui é que alguém venha olhar pela gente para que coloque todos em um lugar seguro porque a qualquer momento pode cair tudo”, pede José Jesus.

Além das águas que estão acumuladas nas ruas o perigo para os moradores são as doenças. “As crianças estão aqui exposta a todos os perigos muitas estão doentes porque tomaram chuva a noite toda”, diz José.

Moradores da Prainha ficaram ilhados Fotos: Portal Infonet 
Na prainha do Santa Maria moradores ilhados não tiveram condições de sair das casas. Ao notar a presença da equipe do Portal Infonet muitos tentaram reclamar da situação. Aos gritos moradores diziam que estavam completamente ilhados.

De acordo com a Secretaria da Assistência Social do Município todas as providências estão sendo tomadas no sentido de abrigar a todos os moradores que estão em áreas de risco.

 




 

 

 

Por Kátia Susanna

Comentários