Moradores fazem protesto no Complexo do Aeroporto

0
Moradores interditam via no Complexo do Aeroporto (Fotos: Cássia Santana/Portal Infonet)

Moradores dos loteamentos instalados no Complexo do Aeroporto de Aracaju estão insatisfeitos com o atraso das obras de pavimentação, drenagem e do canal Beira Mar, que deveriam ter sido concluídas no ano passado, segundo os representantes do movimento. Na manhã desta sexta-feira, 17, um grupo de moradores realizou uma manifestação e interditou a rua José Cardoso Ramos, uma das principais do complexo.

Os manifestantes atearam fogo em galhos de árvore e equipes do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar foram mobilizadas para controlar as chamas e intermediar entendimentos para liberação da pista. “Estamos comendo pão com poeira”, gritavam os manifestantes durante a mobilização.

José Bonifácio, representante dos moradores do Complexo do Aeroporto, informou que a principal preocupação da comunidade está centrada nos efeitos das chuvas de março. “Se, em março, chover do jeito que vem chovendo e o canal permanecer desta forma, vamos morrer afogados”, comenta o representante dos moradores. “A Deso realizou o esgotamento sanitário e até agora a prefeitura não fez a pavimentação”, denuncia o morador.

Desapropriação

Bombeiros e PM acompanham a manifestação

A Secretaria Municipal de Infraestrutura informou que não há um calendário definido para a conclusão das obras de pavimentação, drenagem e do canal Beira Mar. Segundo a assessoria de imprensa, as obras estão avaliadas em R$ 12 milhões, que incluem o canal, abertura de uma nova via que interliga o Conjunto Beira Mar às avenidas Júlio César Leite e Hildete Falcão, além da pavimentação e da microdrenagem.

De acordo com a assessoria, o canal ainda não foi concluído devido a pendências relativas a duas desapropriações, avaliadas em R$ 3 milhões. Mas os proprietários dos imóveis que deverão ser desapropriados, segundo a assessoria, não concordam com os valores avaliados. Como não há entendimentos, a prefeitura só poderá iniciar trabalhos naquele trecho depois de concluído o processo de desapropriação.

Obras do canal dependem de desapropriações

A Secretaria Municipal de Infraestrutura garante que as obras de pavimentação nos trechos já concluídos serão iniciadas já a partir da próxima semana.

Por Cássia Santana

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais