Morre garoto atingido por bala perdida

0

Vítima de um crime típico de grandes metrópoles – onde é impossível fazer controle de armamentos – faleceu ontem o garoto Mateus Faustino. Viveu apenas um ano e poucos meses. Os últimos quinze dias passou em um leito de hospital, entre a vida e a morte. Ele foi atingido por uma bala perdida quando estava na porta de sua casa, no bairro Santa Maria, mais conhecido como Terra Dura. Ninguém sabe de onde partiu o tiro – suspeita-se de um vizinho – apenas o garoto o sentiu e começou a sangrar. Até o momento a polícia foi impotente para esclarecer o crime. Embora não se deva condená-la inteiramente, é triste saber que há um marginal por aí que dá tiros a esmo e que crianças morrem por causa de sujeitos deste tipo.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais