Morrem gêmeas siamesas

0

As irmãs siamesas que nasceram no dia 2 de junho de 2005, na Maternidade Hildete Falcão, em Aracaju, não resistiram e morreram na madrugada do dia 7. Desde o nascimento que as gêmeas apresentaram má formação cardíaca e dificuldades para respirar.

 

As irmãs xipófagas eram ligadas pelo tórax e abdome e possuíam um só coração. Elas estavam internadas na UTI Neonatal sendo acompanhadas por uma equipe de médicos da maternidade, formada por pediatras, cardiologistas e psicólogos.

 

A mãe das meninas, a dona de casa Genilde de Andrade Oliveira, de 28 anos, disse que realizou todo o pré-natal e que não foi detectada nenhuma anormalidade nas gêmeas. Ela é natural do povoado São Vicente, município de Própria, que fica a 98 km de Aracaju.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais