Moto não foi feita para servir de táxi

0

A Câmara de Vereadores rejeitou a proposta de permitir o uso de motos como táxis. No que, diga-se de passagem, agiu corretamente. O próprio Código Nacional de Trânsito não permite o uso de veículos de duas rodas como transportadores de passageiros. Apenas duas ou três cidades no país adotaram o esquema, mas está sub judice, porque o Denatran recorreu à Justiça da medida. Que segurança uma moto pode oferecer a quem viaja atrás, agarrado pela cintura como condutor da moto? Há ainda a questão do capacete. Como ele é todo vedado e de material resistente, a passagem de um a outro usuário pode ser fácil transmissor de doença. Além disso, condutor de moto é, em sua grande maioria, notório infrator das leis de trânsito. Eles cruzam as ruas em alta velocidade, ultrapassam veículos pela direita, raramente usam avisos sonoros e fazem zigue-zague nas avenidas mais movimentadas. Definitivamente, moto não foi feita para servir de táxi. Por Ivan Valença

Comentários