MPF processa Petrobras por derramamento de óleo em SE

0
A empresa Sul Norte Serviços Marítimos Ltda também é ré na ação de indenização movida pelo MPF/SE (Foto: divulgação)

O Ministério Público Federal em Sergipe (MPF/SE) ajuizou uma ação contra a Petrobras e a Sul Norte Serviços Marítimos Ltda após o derramamento de óleo no Campo de Camorim, em Aracaju, durante operação de abastecimento de água na plataforma PCM-6, de propriedade da Petrobras.

Segundo investigação da Capitania dos Portos de Sergipe, a embarcação SN Palmares, gerida pela Sul Norte Marítimos Ltda e contratada pela Petrobras, teve problemas técnicos enquanto realizava o abastecimento de água da plataforma PCM-6. Os relatórios indicaram o vazamento de aproximadamente 150 litros de óleo ao mar, após a abertura equivocada de uma válvula do sistema de esgotos da embarcação.

No momento do vazamento, a embarcação estava localizada nas proximidades da plataforma de Camorim, a 10 quilômetros da costa e da foz do rio Sergipe.

Pedidos

Na ação, o MPF requereu que a Sul Norte Marítimos Ltda e a Petrobras paguem indenização pelos danos ambientais irrecuperáveis causados ao meio ambiente. O valor a ser pago será definido pela Justiça Federal e deve ser revertido ao Fundo de Defesa dos Direitos Difusos.

O número da ação é 0801665-62.2014.4.05.8500. (Processo Judicial Eletrônico).

Petrobras

A Gerência de Imprensa da Petrobras em Sergipe informou que a empresa está verificando os fatos para, posteriormente, se pronunciar.

Com informações do MPF/SE

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais