Mulher é atropelada por veículo da Fundação Renascer

0

Vítima conta com solidariedade das pessoas enquanto aguarda o Samu (Fotos: Portal Infonet)

A doméstica Rosa Marli Gonçalves da Silva, foi atropelada há cerca de 20 minutos no cruzamento das ruas Leonardo Leite e Duque de Caxias no bairro São José. Ela seguia em uma motocicleta Bizz no sentido Teatro Atheneu quando foi surpreendida por um Fiat Uno pertencente à Fundação Renascer.

Apesar de consciente, a vítima está deitada no chão contando com a solidariedade dos funcionários da Secretaria de Estado do Planejamento e Gestão (Seplag), que a estão protegendo com guardas-chuvas.

“Eu trabalho aqui pertinho e tinha ido pegar uns jornais. Vinha certinha e devagar, quando o carro me atropelou. O pior é que já está chovendo e o Samu não chega e eu quero água, mas estão com medo de me dar. Meu Deus, e se a chuva engrossar? Por que será que demoram tanto?”, indaga d. Rosa Marli sem poder se levantar.

Funcionários da Seplag tentam ajudar a mulher atropelada

Acidente envolveu um Fiat Uno da Renascer e uma motocicleta

Petrúcio Oliveira: "Os carros estacionados na esquina tiram a visão"

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência foi acionado por funcionários da Seplag. “Eu nunca tinha lidado com pessoas tão mal-educadas quanto os atendentes do Samu. Eles querem que a gente diga tudo o que a gente não sabe sobre a vítima”, reclama uma servidora da Seplag que preferiu o anonimato.

“Com esses carros todos estacionados aqui na esquina, tomaram a minha visão e quando vi já foi a moça passando em uma moto na frente do carro. A sorte foi que eu vinha devagar”, conta o motorista do Fiat Uno, o Sr. Petrúcio Alves de Oliveira.

O trânsito no local está sendo orientado por agentes da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT).

Por Aldaci de Souza

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais