Mulher foi golpeada oito vezes antes de morrer

0

Corpo foi encontrado amarrado e queimado (Foto: Portal Infonet)
O Instituto Médico Legal (IML) confirmou que o corpo da mulher encontrado dentro do matagal em São Cristóvão na manhã de ontem, 19, apresentava perfurações de arma branca.

As informações dão conta de que a mulher foi golpeada oitos vezes, sendo sete facadas distribuídas entre o tórax e as pernas. Além de uma facada nas costas, o que evidencia a tortura antes da morte.

Para funcionários do IML a vítima pode ter sido submetida a algum tipo de ritual, já que os cortes na parte frontal do corpo foram feitos de maneira uniforme, lado a lado.

De acordo com o registro, o corpo,- que já estava em estado de putrefação -também apresentava fraturas na perna esquerda e teve o pé amputado.

O corpo permanece no IML ainda sem identificação.

 

Comentários