Mulheres são vítimas de assalto na capital

0

Duas ocorrências foram registradas no Augusto Franco
As estatísticas policiais indicam que o sexo feminino é alvo principal dos assaltantes e essa tendência foi comprovada na noite de ontem, 31. Todos os registros de roubos e assaltos da segunda-feira ocorreram contra mulheres. Em alguns casos, além da perda material houve agressão física.

No loteamento Santa Clara, região do bairro Aeroporto, uma jovem voltava do trabalho para sua casa quando foi rendida por dois rapazes armados. Sob ameaças, foi obrigada a entregar sua bolsa com documentos, cartões de crédito, dinheiro e aparelho celular.

No bairro Farolândia, mais precisamente na esquina entre a avenida Maria Pastora e rua Santo Agostinho, uma atendente de 50 anos voltava para sua residência levando na mão as compras que acabara de fazer em um supermercado, quando uma dupla de assaltantes a surpreendeu com tapas, levando sua bolsa com celular, documentos e dinheiro.

Ainda neste bairro, em um condomínio de classe média localizado em frente a uma universidade, uma jovem estudante que mora no terceiro andar saiu e deixou as janelas abertas para manter seu apartamento ventilado. Quando voltou deu falta de seu notebook e de uma quantia em dinheiro superior a R$ 200.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais