Novas famílias invadem Maria do Carmo III

0

Moradores do conjunto Maria do Carmo III, no bairro Rosa Elze, em São Cristóvão, pedem melhorias para as famílias, que segundo eles, convivem com insetos, falta de saneamento e de segurança. Após protestarem  no palácio do governo na última quarta-feira, 24, as famílias foram recebidas pelos secretários de Estado da Casa Civil, José Oliveira Júnior, e a secretária de Estado da Inclusão Social, Maria Luci Silva, que se comprometeram em ver a possibilidade de incluí-los em um projeto de habitação do governo do Estado.

Mesmo acreditando que poderão receber as novas moradias, as famílias estão apreensivas. Isto porque após serem recebidos pelos secretários, novos moradores se instalaram na invasão e os antigos moradores temem que o recadastramento possa não ocorrer. “Espero que não sejamos prejudicados. Quatro barracos já estão no local, sendo que as famílias vêm do bairro América e até do próprio bairro. Eles não querem deixar os barracos”, lamenta um dos líderes comunitários,  Leôncio Dias de Oliveira.

De acordo com um dos coordenadores do Maria do Carmo III, a invasão foi criada há 17 anos e atualmente abriga cerca de 400 famílias, sendo que destas, 180 já foram cadastradas pela Secretaria de Estado da Inclusão, Assistência e Desenvolvimento Social (Seides) e o restante está na espera do recadastramento. “Estamos esperando para que o recadastramento comece a ser realizado daqui a 30 dias, pois só poderá ser feito no próximo ano, após a mudança de secretariado, mas onde nos colocarmos está ótimo”, comenta Leôncio Dias.

Segundo o assessor de comunicação da Seides, Rodrigo Rocha, ficou acordado na reunião da última quarta-feira, 24, entre os secretários da Seides, Maria Luci Silva e da Casa Civil, Oliveira Júnior e as famílias, que o governo do estado deve interceder junto ao prefeito do município de São Cristóvão, Alex Rocha, para vrificar a melhor solução a ser encontrada para os moradores, mas destacou que até o momento, não se tem nada assegurado.

Por Aisla Vasconcelos e Raquel Almeida

Comentários