Nove aves silvestres são resgatadas nesta quarta-feira, 25

0
O resgate aconteceu nesta quarta-feira, 25 (Fotos: Adema)

Na manhã desta quarta-feira (25), a equipe de fauna da Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) atuou no resgate de 9 aves silvestres. As ações ocorreram nos municípios de Nossa Senhora do Socorro e Barra dos Coqueiros, ambos na grande Aracaju. O trabalho foi possível graças a colaboração da população através do Disk Resgate. Com esta ação de hoje subiu para 87 o número de animais resgatados pela Autarquia.

No primeiro caso, ocorrido no conjunto Fernando Collor, as biólogas Aline Hora e Harionela Macedo atuaram no atendimento de uma coruja suindara ( Tyto furcata). O animal jovem foi encontrado por crianças no meio da rua. Um morador percebeu a situação e acionou a Adema. “O animal foi recolhido por uma moradora. Ela o manteve em uma gaiola que nossa equipe chegasse. No local, verificamos que se tratava de uma suindara jovem aparentemente sem nenhum tipo de lesão. Sua dificuldade para voar estava relacionada a sua idade”, explicou Borba.

Animais resgatados

Após essa primeira etapa, a coruja foi encaminha para o Parque dos Falcões, localizado no Parque Nacional Serra de Itabaiana. “No Parque, uma nova avaliação foi feita e confirmamos que a dificuldade de deslocamento era apenas por conta de ser um indivíduo jovem, que deve ter perdido o ninho em seu primeiro voo. O animal estava magro e irá passar por um período de reabilitação até se recuperar completamente”, completou.

Já no segundo caso, a equipe técnica foi apurar uma denúncia de venda e tráfico de aves silvestres. “Recebemos a denúncia e, quando chegamos ao local, constatamos que, em uma residência, havia a criação em cativeiro ilegal de um papagaio-verdadeiro (Amazona aestiva), 5 cabeças (Paroaria dominicana), 1 papa-capim/baiano (Sporophila nigricollis) e 1 cambacica (Coereba flaveola)”, relata o veterinário Daniel Allievi.

Allieivi revelou que, durante a ação, foi observado que o papagaio estava com as asas cortadas e era domesticado. Por conta disso, deverá passar por um período de readaptação, antes de ser devolvido à natureza.

Os demais pássaros foram soltos em uma área de reserva cadastrada pela Adema.

Fonte: Adema

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais