OAB Nacional recebe caso de mendigos assassinados em Sergipe

0

O presidente da OAB de Sergipe, Henri Clay Andrade, comunicou hoje ao presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil, Roberto Busato, que a Comissão de Direitos Humanos da Seccional encaminhou ao Conselho Federal da entidade informações sobre a série de assassinatos de mendigos que ocorreram no município de Propriá. Foram dois casos de moradores de rua encontrados mortos e, até agora, a Polícia do Estado não conseguiu desvendar a autoria dos assassinatos.

 

“O fato é similar à série de espancamentos e mortes de mendigos registrados em São Paulo e, por isso, estamos pedindo à Comissão Nacional de Direitos Humanos da OAB que interfira no caso e evite novos assassinatos”, afirmou Henri Clay. Os dados sobre os assassinatos foram repassados pela presidente da Comissão da OAB-SE, Aída Campos, à Comissão Nacional de Direitos Humanos – CNDH.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais