OAB: Presidente repudia frase na internet

0

Presidente da OAB repudia frase preconceituosa em rede social
Frase preconceituosa em rede social é vista com preocupação pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/SE), que está analisando mecanismo de punição a responsáveis.

O presidente da OAB/SE, Carlos Augusto Monteiro Nascimento, repudia a atitude de internautas que revelaram-se preconceituosos e racistas  em mensagens postadas na rede mundial de computadores, especialmente por meio das redes sociais. “A OAB/SE vê com preocupação a manifestação destes internautas. São ações que se caracterizam como verdadeiro preconceito contra os nordestinos”, ressaltou Carlos Augusto Monteiro Nascimento.

O presidente da OAB em Sergipe revela que a entidade no Estado se somará com a OAB de Pernambuco para se desenvolver ações para coibir estes abusos e punir os responsáveis, enteles a paulista Mayara Petruso, que teria postado a mais polêmica frase no microblog (nordestino não é gente. Faça um favor a São Paulo: mate um nordestino afogado”, frase que provocou reações em muitas comunidades. “A OAB/SE está analisando a questão para que adotemos medidas para coibir abusos desta natureza que estão se tornando comuns na rede mundial de computadores”, diz o presidente da OAB/SE

Carlos Augusto Monteiro ressalta ainda que se trata de “uma questão grave que deve servir de debate, em rede internacional, quanto à definição de mecanismos que possam melhor identificar e punir os responsáveis pela disseminação de idéias que insultem o preconceito e o crime racial”.

Fonte: Ascom

 

Comentários