OAB/SE firmará convênios com TRT para beneficiar advogados sergipanos

0

“Foi um encontro descontraído e bastante produtivo”, resume o presidente da Ordem dos
Advogados do Brasil, seccional de Sergipe, Henri Clay Andrade, referindo-se à
reunião que a diretoria da OAB/SE e conselheiros federais por Sergipe tiveram na manhã
de sexta-feira, dia 4, com o presidente do Tribunal Regional do Trabalho (TRT),
Augusto César de Carvalho.
No gabinete da presidência do TRT/SE, os representantes da OAB foram recepcionados pelo presidente Augusto César de Carvalho e pela juíza corregedora Maria das Graças Monteiro Melo. O presidente do TRT mostrou detalhes do projeto arquitetônico da futura sede daquele tribunal em Aracaju e logo neste primeiro momento a OAB/SE já assegurou as primeiras conquistas em benefício dos advogados sergipanos.
Pelo projeto original, estava reservada apenas uma sala para advogados nas futuras
instalações do TRT. A diretoria da OAB/SE pleiteou ampliação deste espaço e assegurou na planta a instalação de mais três, totalizando quatro salas: uma no ambiente do TRT e
outras três distribuídas no âmbito das varas trabalhistas.
Há seis varas na estrutura da justiça trabalhista em Sergipe. Na reunião, o presidente
do TRT acenou para a probabilidade de ampliar para oito quando o novo prédio for
inaugurado e garantiu manter entendimentos positivos com a advocacia sergipana.
Durante o encontro, o presidente do TRT se comprometeu em estabelecer entendimentos com a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil para assegurar um atendimento especial aos advogados nos serviços de saques de alvará. Ficou assegurado ainda que o advogado fará sustentação oral do processo (a contra-argumentação) depois que conhecer o voto do juiz relator.
Mas as conquistas não param por aí. Em breve, a OAB/SE e o TRT estarão firmando novos
convênios, que trará grandes benefícios para os advogados sergipanos e jurisdicionados
(cidadãos comuns atendidos pelo Poder Judiciário). Por sua dimensão e importância para a
classe advocatícia, certamente estes convênios terão repercussão nacional. “Estamos
iniciando os estudos e asseguro que há vontade política para concretizarmos estes
convênios”, assegura o presidente da OAB/SE, Henri Clay Andrade.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais