OAB sustenta punição para advogados e defende Exame da Ordem

0

A Ordem de Advogados de Sergipe (OAB/SE) defende a criação de Lei para tornar mais célere a punição aos advogados criminosos. “Precisamos agir de forma enérgica para expulsar os criminosos travestidos de advogados”, ressaltou Henri Clay, presidente da Ordem em Sergipe, durante a abertura da reunião do Colégio de Presidentes das Seccionais da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

Henri Clay Andrade também criticou a proliferação descontrolada dos cursos de Direito no país e defendeu, mais uma vez, a unificação do Exame de Ordem para melhor selecionar os profissionais do país e denunciou a existência de um lobby em Brasília formado por empresários do ensino para por fim ao Exame de Ordem no país.

“Precisamos combater essa iniciativa de Projeto de Lei que tramita no Congresso, fruto de lobbies de empresários do ensino, que querem extinguir o Exame de Ordem”, disse. “Isso é o fim da advocacia brasileira. Isso é o descalabro da vergonha nacional. Acabar com o Exame de Ordem é um desrespeito ao cidadão brasileiro. É uma falta de pudor. Precisamos é, em sentido inverso, fortalecer e, a cada dia mais, aperfeiçoar o Exame de Ordem e é por isso que defendemos um Exame de Ordem unificado em nível nacional para que possa ser um instrumento concreto, real, de aferição do ensino jurídico no Brasil”, complementou.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais