Os bancos nunca lucraram tanto

0

Os bancos nunca tiveram tanto lucro na vida. O Bradesco ampliou os ganhos em 80,2 entre 2004 e 2005 e superou o Banco Itaú, há cinco anos líder do Setor. O lucro do Bradesco chegou a R$ 5,514 no ano passado e é o maior da história no setor bancário em toda a América Latina. A rentabilidade das ações do Bradesco foi a mais elevada dos 50 maiores bancos da América Latina e Estados Unidos. O ganho por ação ficou em R$ 5,68. O retorno sobre o patrimônio líquido médio foi de 32,1%, ante 22% em 2004.

Aliás, os bancos nunca esperaram ganhar tanto dinheiro como no governo Lula. Os cinco maiores bancos em ativos com atuação no País cresceram 28,4% os lucros nos 3 anos do governo lula, em comparação aos 8 anos da administração Fernando Henrique.

Bradesco, Itaú, Banco do Brasil, Santander/Banespa e Unibancos, juntos, obtiveram lucro líquido de R$ 44,125 bilhões entre 2003 e 2005. Só no ano passado essa cifra somou R$ 18,4 bilhões, a maior em 11 anos. De 1995 a 2002, os lucros líquidos desses mesmos bancos atingiram R$ 34,366 bilhões. Nos três anos do governo Lula, esses 5 bancos obtiveram lucro liquido médio de R$ 14,708 bilhões a cada ano, mais que o triplo da média dos 8 anos anteriores (R$ 2,295 bilhões).

Por Ivan Valença


 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais