PM apreende mais de 6 mil caranguejos

0

Hoje pela manhã, dia 1º, o Pelotão Ambiental da Polícia Militar (PPAmb) apreendeu 6250 caranguejos-uçá durante uma fiscalização nos Mercados Municipais de Aracaju e em alguns restaurantes da Passarela do Caranguejo. A operação prossegue até o dia 5, quando termina a segunda etapa do período de defeso da espécie.

 

A terceira e última etapa acontece de 1º a 5 de março, e todo o processo de fiscalização acontece em parceria com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). A maior parte das apreensões aconteceu na praia, onde os segundo os policiais militares e os fiscais do Ibama recolheram 6150 caranguejos em dois bares pela falta do documento de registro de estoque. Nas bancas do Mercado Albano Franco foram apreendidos 100 exemplares.

 

O defeso do caranguejo é a época em que esses animais se reproduzem nos mangues. Por isso, o Ibama instruiu, por meio de portaria, a suspensão da captura, manutenção em cativeiro, transporte, beneficiamento, industrialização e comercialização da espécie.

Segundo o comandante do PPAmb, tenente Matheus Soares, as pessoas físicas ou jurídicas que atuam na captura, manutenção em cativeiro, conservação, beneficiamento, industrialização ou comercialização dessa espécie de caranguejo no Estado de Sergipe devem fornecer ao Ibama, até o ultimo dia que antecede a cada período de defeso de andada, a relação detalhada dos estoques de animais vivos, congelados, pré-cozidos, inteiros ou em partes.

 

“O transporte e a comercialização dos produtos declarados deverão estar acompanhados, desde a sua origem até o destino final, de uma Guia de Autorização de Transporte e Comércio emitido pelo Ibama”, explicou o oficial da PM. Os produtos apreendidos pela fiscalização, quando vivos, são devolvidos a seu habitat natural, ou se mortos, doados a entidades assistenciais. A libertação dos caranguejos acontecerá numa área de mangue localizado em Nossa Senhora do Socorro.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais