PM e PC prendem três foragidos no interior de Sergipe

0
Um dos presos é conhecido como Cacai (Fotos: PM)

A Polícia Militar de Sergipe, através do Comando de Operações Especiais (COE) e da 2ª Companhia do 7º Batalhão de Polícia Militar (2ªCia/7ºBPM), em operação conjunta com policiais civis lotados na Delegacia de Tobias Barreto e do Complexo de Operações Especiais (COPE), prendeu em flagrante nessa quinta-feira, 22, Rivanildo dos Santos, 25, e Robson Ribeiro da Silva, 26, foragidos da justiça sergipana, em ocorrência registrada no município de Tobias Barreto.

A dupla foi presa em posse de um revólver calibre 38 e de duas motocicletas, sendo uma delas produto de roubo perpetrado horas antes da abordagem. Contra Rivanildo dos Santos há um mandado de prisão pela acusação de prática de duplo homicídio contra um casal residente na cidade de Tobias Barreto. Com a prisão da dupla, a polícia espera esclarecer outros crimes praticados naquela região, além de encontrar outros possíveis envolvidos que agiam na área.

Arma apreendida

Roubo a Casa Lotérica em Cristinápolis

Ainda na quinta-feira, durante operação desencadeada pelas Polícias Militar e Civil no interior do Estado, foi efetuada a prisão do foragido da justiça Joadilson Ribeiro dos Santos, 35, vulgo ‘Cacai’.

Dentre os diversos crimes atribuídos ao ‘Cacai’, o mais recente foi registrado no último dia 13, quando Joadilson, em companhia do seu comparsa, identificado como Carlos Augusto da Silva Santos, 45, teria efetuado um roubo a uma casa lotérica situada no município de Cristinápolis. Na ação, a dupla teria efetuado dois disparos contra o sargento da PM Carlos Augusto da Silva Santos, 45, que estava no interior do estabelecimento efetuando um pagamento. O PM, atingido no ombro e de raspão no rosto, foi encaminhado ao Hospital de Urgência de Sergipe (HUSE).

De acordo com as investigações efetuadas pela Polícia Civil, ‘Cacai’ é suspeito de comandar uma quadrilha responsável por cometer diversos crimes em vários municípios de Sergipe e Bahia. Outras prisões poderão ocorrer com o desenrolar das investigações da Polícia Civil.

Fonte: PM/SE

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais