Polícia apresenta quadrilha sergipana de roubo de carga

0

José Augusto, Paulo César e Carlos Augusto foram apresentados nesta sexta, 14 (Fotos: Portal Infonet)

Três suspeitos pertencentes à quadrilha de roubo de cargas foram apresentados no Complexo de Operações Especiais (Cope), na manhã desta sexta-feira, 14. Eles foram presos em operação realizada na rodovia estadual SE-285, na região de Arauá, após terem atuado em roubo de carga de um caminhão pertencente a uma rede de supermercados.

Paulo César do Amaral, 45, Carlos Augusto dos Santos, 33, e José Augusto dos Santos, 33, já estavam sendo investigados pela polícia há seis meses. Eles são suspeitos de atuar não só em Sergipe, como também na Bahia e em Minas Gerais. De acordo com o diretor do Cope e delegado Jonathan Evangelista, os três costumavam abordar os motoristas dos caminhões nos pátios de postos de combustível.

O delegado conta que a vítima sempre era levada junto com o caminhão para um local ermo e lá já havia outro veículo do mesmo porte esperando para receber a carga roubada. Depois da ação, o motorista do caminhão era deixado amarrado dentro do transporte e os suspeitos empreendiam fuga. Sobre o tipo de carga roubada, Jhonatan conta que não existia uma padrão, e que se no caminhão escolhido pra ação criminosa não houvesse nenhum tipo de material, os suspeitos roubavam os pneus e o combustível.

Material encontrado pela polícia com os suspeitos

"Eles tem passagem pela polícia e envolvimento em processos na Bahia e em Minas Gerais. Todos são de Itabaiana, sendo que um deles mora em Lagarto. Com relação aos crimes praticados, até agora confessaram seis", relata o diretor do Cope. Além deles três, a polícia investiga a participação de mais pessoas na quadrilha, além de tentar identificar os suspeitos de receptação.

Ocorrências

Em Sergipe, segundo o delegado Hildemar Rios, que coordenou a prisão dos três suspeitos, a zona onde acontecem mais casos de roubo de carga é entre os municípios de Itaporanga e Cristinápolis.

Crime

Caminhão utilizado pela quadrilha

Delegado Jhonatan explica ação de suspeitos

Durante entrevista, o suspeito Carlos Augusto informou que atuava há apenas três meses com roubo de cargas e que confessa apenas a realização deste crime. Ele acrescenta que a quadrilha era responsável por pegar os pneus reserva dos caminhões.

Já José Augusto declarou que tem passagem pela polícia por furto e que no crime no qual foi preso em flagrante ele foi responsável apenas pela condução do caminhão. Sobre o revólver que a polícia encontrou com a quadrilha, ele informa que não era utilizado.

Por Monique Garcez

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais