Polícia busca paradeiro de suspeitos de matar sargento

0

O sargento Manoel Messias foi alvejado a tiros (Foto: Arquivo Infonet)

A polícia sergipana já deu início às investigações para apurar a morte do policial militar reformado Manoel Messias Filho, de 63 anos, vítima de um latrocínio ocorrido no último domingo, 14, em uma propriedade rural localizada no município de São Cristóvão.

A polícia trabalha na tentativa de prender mais dois suspeitos de participação no latrocínio e na recuperação dos bens roubados pelos suspeitos.

Segundo o coordenador das Delegacias da Capital, delegado José Inephânio, o caso será investigado pelo Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope), mas já está confirmada a participação de José Augusto da Cruz, 37 anos, conhecido como “Dodô” no crime.

“As investigações estão dando prosseguimento e ficará a cargo do Cope. José Augusto foi reconhecido pelas vítimas com as vestes". Segundo a polícia, o caseiro do sítio foi detido por posse ilegal de arma porque estava com duas armas sem o registro.

A polícia ainda investiga se dois homens identificados como Kléverton Antonio dos Santos e Miqueias Cordeiro da Silva, mortos em um confronto com a Polícia Militar no domingo, 14, estão envolvidos com o assassinato do sargento.

Relembre

O policial aposentado foi morto a tiros no domingo, 14, quando estava em um sitio, localizado no município de São Cristóvão na companhia de amigos. A vítima foi  surpreendida por quatro homens armados que anunciaram o assalto.

Durante a ação, os bandidos descobriram por meio da arma e documentação da vítima que se tratava de um policial e atiraram contra o militar que morreu no local. Após o assalto, os bandidos fugiram levando três reféns e um veículo de propriedade de uma das vítimas. O veículo do policial também foi levado durante a fuga.

Por Aisla Vasconcelos

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais