Polícia continua procurando suspeito de matar mulher em Canindé

0
Polícia Civil realiza diligências do caso (Foto: SSP/SE)

A Polícia Civil realiza diligências na tentativa de prender o suspeito de ter matado uma mulher no município de Canindé do São Francisco. O crime ocorreu na terça-feira, 25, no assentamento Modelo e vitimou Maria Irabeu Guedes, 51 anos, conhecida como Bebé.

Segundo informações policiais, o homicídio ocorreu após uma discussão entre a vítima e um homem que seria o próprio vizinho. O suspeito de praticar o crime continua foragido.

Pesar

O Centro Dom José Brandão de Castro (CDJBC), que a vítima fazia parte, divulgou nota de repúdio e solidariedade à família dela.

“Manifestamos nosso pesar e nossa solidariedade a todos os familiares e amigos da companheira e repudiamos veementemente este crime bárbaro, que ao ceifar a vida de Bebé, tentou calar a voz de uma mulher engajada, prestativa, de luta, liderança comunitária do Assentamento Modelo e do sertão sergipano.

Este crime de feminicídio não pode ficar impune. O CDJBC vem a público exigir a justiça e a responsabilização do autor do crime. A responsabilização do autor do crime não devolverá a voz da companheira, mas nós que permanecemos neste plano, não deixaremos sua voz calar. Enquanto uma mulher for vítima de violência, enquanto um/a agricultor/a não tiver terra para plantar e enquanto um trabalhador/a tiver seus direitos violados, o CDJBC defenderá as bandeiras de luta que Bebé sempre defendeu”.

por Aisla Vasconcelos

Comentários