Polícia investigará vídeo em que homem usa cachorro para atacar gato

0

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que Coordenadora das Delegacias da Capital vai investigar um vídeo que mostra um homem usando, aparentemente um Pitbull, para atacar um gato.  O fato ocorreu em via pública, possivelmente no bairro Atalaia, e as imagens foram capturadas por meio de celular.

No vídeo divulgado em redes sociais e grupos de WhatsApp, é possível ver que o cachorro prende o felino na boca, que se debate tentando fugir. A situação será averiguada pela Delegacia de Proteção ao Consumidor e Meio Ambiente (Deprocoma).

A Polícia Civil vai buscar a identificação do suspeito e as circunstâncias em que o fato ocorreu. O homem, que usa o cachorro como arma matar um gato, será responsabilizado por maus tratos de animais.

O caso chamou a atenção de deputada Kitty Lima, que cobrou punição para esse caso e outros registrados recentemente. “É absurdo continuarmos a registrar fatos como estes. Nem a pandemia do novo coronavírus, com isolamento decretado em todo o território nacional, tem impedido que esses criminosos continuem atuando cruelmente contra os animais e agindo nas ruas dos municípios sergipanos. É lamentável, mas é parte da nossa luta e nós não vamos nos calar e não vamos nos omitir de pedir justiça e cumprimento de pena aos responsáveis”, argumentou Kitty Lima.

A Polícia Civil ressalta que qualquer denúncia pode ser feita pelo Disque Denúncia 181. A ligação é gratuita e a identidade será mantida no mais absoluto sigilo. A denúncia de maus-tratos é legitimada pelo Artigo 32, da Lei Federal nº. 9.605, de 12.02.1998 (Lei de Crimes Ambientais) e pela própria Constituição Federal Brasileira.

Por Verlane Estácio com informações da SSP/SE

Comentários