Polícia prende quadrilha de traficantes

0

A polícia apreendeu veículos e grande quantidade de cocaína Fotos: Ascom SSP
Quatro meses de investigações conduzidas pelo Departamento de Narcóticos da Polícia Civil (Denarc), com o apoio da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol), resultaram na prisão de três envolvidos com o tráfico de drogas. Foram presos João Carlos Santos, 28 anos, conhecido como “Juninho Paulista” ou “Joãozinho” e apontado pela polícia como líder da quadrilha, Gledson Lima dos Santos, 29 anos, de apelido “Guegueu”, e Ilka Santos de Araújo, 27 anos, responsável pelo transporte da droga, adquirida em São Paulo com destino a Aracaju. As prisões aconteceram na última quinta-feira, 27.

As prisões foram efetuadas no povoado Mosqueiro, zona de expansão da capital, e no Terminal Rodoviário José Rollemberg Leite, bairro Capucho, zona oeste. “O Gledson e a Ilka foram presos no Terminal Rodoviário e o João Carlos foi surpreendido em sua casa no Mosqueiro”, afirmou a diretora do Denarc, delegada Aliete Melo.

Com Ilka, foi encontrado um quilo de crack, que estava escondido em uma bolsa. Ela confessou à polícia que receberia R$ 500 pelo serviço de “mula” (transporte da droga). Já “Guegueu” foi surpreendido pelos policiais enquanto esperava Ilka, a bordo de um veículo Citroën Xsara Picasso que foi apreendido.

Os policiais encontraram ainda uma pistola 380 com 16 munições, pertencente a “Guegueu”. A arma foi encontrada na casa do ex-padrasto do acusado, localizada no bairro Luzia, zona sul da capital. Este também foi preso e encaminhado ao Denarc, onde foi indiciado por posse ilegal de arma de fogo e acabou liberado após de pagar fiança. Os agentes apuraram que a pistola apreendida é de propriedade da Polícia Militar de São Paulo.

O grupo criminoso atuava no povoado Mosqueiro, no conjunto Bugio e nos bairros São Conrado e Inácio Barbosa, todos em Aracaju. “Os três vão responder pelos crimes de tráfico de drogas e associação ao tráfico. O João Carlos e a Ilka são reincidentes. Eles têm passagem por tráfico de drogas em São Paulo e por porte ilegal de arma de fogo. Ela ainda foi presa por receptação”, destacou Aliete. Os policiais também apreenderam com os acusados R$ 2.768,00 em dinheiro, além de cinco aparelhos celulares e duas motocicletas.

Fonte: SSP

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais