Polícia registra mais de 2 mil denúncias por perturbação do sossego

0
(Foto: PM/SE)

A Polícia Militar de Sergipe divulgou, nesta quarta-feira, 02, o balanço final Operação Momo, como ficou identificada a ação realizada entre os dias 24 de fevereiro e 02 deste mês. Além das ações voltadas para a segurança pública, a atuação teve o objetivo de garantir o cumprimento do Decreto Governamental, com o emprego de aproximadamente 2 mil policiais e 485 viaturas extras.

Desde a sexta-feira, 25, a sala de monitoramento foi ativada no Quartel do Comando Geral garantindo a supervisão de ações na capital e interior do estado, relacionadas ao Carnaval 2022. O planejamento realizado pelo Comando do Policiamento Militar da Capital (CPMC) e Comando do Policiamento Militar do Interior (CPMI), juntamente com o Comando Geral da Corporação, propiciou um carnaval tranquilo para sergipanos e turistas.

Os resultados foram comemorados pelo comandante-geral da Corporação, coronel Marcony Cabral. O oficial afirmou que a população sergipana, em sua maioria, compreendeu bem o trabalho desenvolvido pela Polícia Militar. Durante esse período, foram registrados 289 Relatórios de Ocorrência Policial (ROP) em todo o estado, sendo que, 218 resultaram em conduções; 13 estão relacionados à apreensão de armas de fogo e 19 respondem por apreensão de veículos com restrição de roubo/furto.

Apesar do clima de tranquilidade, devido à proibição das grandes festas carnavalescas, aconteceram mais de 2586 acionamentos correspondentes à contravenção penal de perturbação do sossego alheio. O que representam 63,68% do total de registros.

De acordo com o coronel Fábio Rolemberg, comandante do CPMC, a Operação é resultado do excelente desempenho dos policiais militares, que garantiram a segurança da população e o cumprimento do Decreto Governamental. Para que isso fosse possível, o comandante do CPMI, coronel Alessandro Ribeiro, explicou que “o policiamento foi reforçado principalmente nas cidades litorâneas, onde costumam acontecer os festejos de carnaval, bem como, nos municípios costeiros, que tradicionalmente contemplam um grande volume de sergipanos e turistas que buscam lazer e tranquilidade”, ressaltou.

Operação Trânsito Seguro

Devido ao aumento do fluxo de veículos nas rodovias estaduais e nas principais vias da capital sergipana devido ao período carnavalesco, o Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) e a Companhia de Policiamento de Trânsito (CPTran) intensificaram suas ações com o intuito de prevenir acidentes de trânsito.

BPRv

Além da fiscalização das medidas de saúde e segurança estabelecidas pelo Decreto Governamental, os policiais militares do BPRV reforçaram as ações e abordaram 1853 veículos. Apesar disso, oito acidentes foram registrados, sendo cinco com vítimas fatais.

Ainda durante a fiscalização, 458 condutores realizaram o teste do etilômetro, destes 10 foram autuados pela Lei Seca e responderão com base no artigo 165 do Código de Trânsito Brasileiro.

CPTran

Nas abordagens realizadas nas principais vias da capital, a CPTRAN registrou 135 autos de infração, com destaque para, 10 veículos recolhidos ao pátio; 37 condutores autuados na Lei Seca.
Ainda durante a Operação, foram registrados sete acidentes sem vítimas fatais, o que representa uma redução de 41,6% em relação ao mesmo período de 2021.

Fonte: PM/SE

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais