Policial civil é assassinado na Barra dos Coqueiros

0

Polícia fará coletiva sobre investigações nesta segunda (Foto ilustrativa: Arquivo Portal Infonet)

O policial civil Paulo Sérgio Souza de Jesus, 58, foi assassinado a tiros neste domingo, 4, na Barra dos Coqueiros. As circunstâncias do crime serão esclarecidas pela delegada geral da Polícia Civil, Katarina Feitosa, em entrevista coletiva a ser concedida na manhã desta segunda-feira, 5. Na noite do domingo, a Secretaria de Estado da Segurança Pública emitiu nota lamentando o episódio.

Paulo Sérgio é servidor do Estado desde 1988, quando ingressou na Polícia Civil. Segundo a SSP, o policial sempre desempenhou suas atividades com muita responsabilidade e dedicação. Atualmente, o policial civil estava lotado na 3ª Delegacia Metropolitana, onde trabalhava como chefe de custódia, no combate à criminalidade.

O corpo do policial civil está sendo velado na Rua de Laranjeiras, próximo à Rua Porto da Folha, e deverá ser sepultado às 10 horas no Cemitério São João Batista. A SSP garante que já iniciou as investigações para identificar e prender os criminosos. "Vale ressaltar que a SSP não medirá esforços para alcançar os responsáveis pelo crime e, de imediato, iniciou os trabalhos para tal. Neste momento, unidades da Polícia Civil estão mobilizadas no sentido de descobrir a motivação do crime e seus autores. As investigações estão sendo conduzidas pelas equipes do Complexo de Operações Policiais (COPE) e Departamento de Homicídios de Proteção à Pessoa (DHPP)", destaca a nota da SSP.

Com informações da Ascom da SSP

Comentários