Política habitacional deve ser discutida de forma mais ampla

0

Prefeitos e secretários reunidos para discutir habitação
Durante toda esta segunda-feira, 10, prefeitos e secretários dos municípios sergipanos participam da Capacitação para elaboração de Planos Locais de Habitação de Interesse Social (PLHIS). O evento conta com a participação da Diretora  de Desenvolvimento  Institucional e Cooperação Técnica da Secretaria Nacional de Habitação do Ministério das Cidades, Júnia Santa Rosa.

Segunda a representante do Ministério das Cidades, o principal objetivo do evento, que já passou por outras capitais do Nordeste, é discutir a política habitacional de forma mais ampla e estruturada como se discute e Saúde e a Educação, por exemplo. E além disso, orientar a elaboração de projetos que contenham um diagnóstico realístico de cada cidade e as contrapartidas dos municípios.

Júnia Santa Rosa, representante do Ministério das Cidades
“Hoje nós contamos com um volume de recursos bem expressivo e por isso é preciso haver uma mudança de cultura e de mentalidade na forma de se debater e planejar a habitação. Esse novo conceito requer organização pública e a participação dos três entes públicos – federal, estadual e municipal”, ressaltou.

Nessa etapa do processo os gestores recebem a informação necessária para poder elaborar um plano através do qual serão solicitados os recursos para que os projetos sejam colocados em prática. Antes disso, porém, os municípios já devem ter aderido aos Projetos de Habitação do governo Federal. De acordo com Júnia, apenas 26 dos 75 municípios solicitaram recursos até o momento. Ela alerta que aqueles que quiserem receber ou desejam continuar recendo os recursos devem aderir ao plano.

Comentários