Pré-caju: aumenta o número de armas apreendidas

0

Iunes ressalta que a festa não teve apreensão de arma de fogo(Fotos: Portal Infonet)

Na manhã desta terça-feira, 25, o comandante do policiamento da capital, coronel Maurício Iunes, apresentou os dados das ocorrências policiais durante a prévia carnavalesca. De acordo com o comando este ano a festa teve um aumento de 10% no número de ocorrências, em relação a 2009.

Aumento também em relação ao número de armas apreendidas, em torno de 12%. Apesar dos dados, a prévia foi considerada positiva, com 40% de diminuição em crimes envolvendo agressão e vias de fato. Segundo a polícia no total foram 245 ocorrências nos quatro dias do Pré-Caju.

A grande quantidade de facas e objetos cortantes apreendidos chamou a atenção. Foram 73 objetos que foram expostos durante a coletiva à imprensa. “A população colaborou e informava sobre as ocorrências, muitas

Em 2011 a festa teve um aumento de 10% nas ocorrências
dessas facas apreendidas foram fruto de denúncias”, destaca Iunes, salientando a preocupação com o grande número de adolescentes envolvidos em ocorrências durante a festa.

“Tinha crianças de 10 e 11 anos que estavam sozinhas na avenida, também pegamos adolescentes de 15 anos brigando armados”, diz.   

Nos postos de comando da Polícia Militar colocados ao longo da avenida Beira Mar foram registradas 58 vias de fato, 52 furtos, 30 porte de arma branca, 14 lesões corporais, 12 desacato, seis rixas, três uso de drogas, um ato obsceno e até uma ocorrência por identidade falsa.

Foram 73 facas apreendidas
Com relação ao homicídio ocorrido na avenida, a polícia já elucidou o caso e apresentará detalhes
na tarde desta terça-feira, 25.    

Documentos

O folião que teve seu documento perdido ou roubado durante a prévia pode até o dia 20 de fevereiro comparecer ao Quartel Central da Polícia Militar para fazer o resgate.

O setor fica aberto de segunda à sexta-feira, das 7h30 às 13h. Segundo a assessoria de comunicação da PM é válido ressaltar que o material deve permanecer no Quartel da instituição apenas até dia 18 de fevereiro, quando segue logo nas primeiras horas da manhã do dia 20 para a Agência Central dos Correios. Confira a lista completa

Grande quantidade de documentos perdidos ou roubados
dos documentos acessando a página da PM.

Revista

O comandante Iunes respondeu aos questionamentos sobre a não utilização do detector de metais em alguns pontos da avenida, em mulheres. “O homem não pode e nem deve revistar a mulher, porque é um constrangimento. Da forma legal não posso pegar um instrumento chamado detector de metais e utilizar no corpo feminino, até porque vou ter que passar nas partes intimas dela, e isso vai causar um constrangimento”, explicou.  

Por Kátia Susanna

Comentários