Preços de medicamentos são liberados

0

O consumidor sofre mais um golpe hoje. Os preços de 260 medicamentos estão liberados nas farmácias de todo o país. O Ministério da Saúde, que deve divulgar a lista ainda hoje, garante que somente medicamentos cuja venda não exige prescrição médica e têm grande competitividade no mercado, deve receber o sinal verde. Os demais remédios – exitem cerca de três mil medicamentos no mercado – continuarão com os preços controlados até junho deste ano. Entre os 260 produtos com preços liberados estão polivitamínicos, iodo, ácido acetilsalicílico (aspirina), água oxigenada e paracetamol (para atenuar gripes e resfriados). A liberação de um conjunto de produtos do congelamento está prevista no acordo que o governo assinou com a indústria farmacêutica no final de 2002. De acordo com o documento, uma lista seria publicada hoje. O Ministério da Saúde também informou que a partir de julho o governo colocará em prática uma nova política para o setor de medicamentos.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais