Prefeitura fiscaliza bares e restaurantes na Orla da Atalaia

0
A ação conjunta envolve a Defesa Civil, o Programa Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon Aracaju) e a Guarda Municipal de Aracaju (GMA) (Foto: Ascom/Semdec)

Nesta quinta-feira, 31, a Prefeitura de Aracaju, por meios da Secretaria da Defesa Social e da Cidadania (Semdec), deu continuidade às fiscalizações para assegurar o cumprimento das normas de biossegurança, em bares e restaurantes. O reforço das orientações e vistorias ocorre, principalmente, de maneira preventiva, com foco nos estabelecimentos que receberão público durante o réveillon.

Ao longo da manhã, foram visitados estabelecimentos localizados na Passarela do Caranguejo, na Orla da Atalaia. Outros segmentos e regiões vêm sendo fiscalizados de maneira intensificada, desde a semana passada, por meio da ação integrada da Defesa Civil, Procon Aracaju, Guarda Municipal de Aracaju e demais órgãos da gestão municipal, que atuam de maneira coordenada.

“Atuamos de maneira preventiva, passando todas as orientações para os proprietários e gerentes dos estabelecimentos, de maneira que não tenhamos maiores problemas. No entanto, as equipes realizarão vistorias durante a noite e, havendo descumprimento das medidas, podem ocorrer notificações e até mesmo interdições, a depender de cada caso”, enfatizou o secretário da Defesa Social e da Cidadania, Luís Fernando Almeida.

De acordo com os decretos do Poder Executivo está permitido o funcionamento de bares e restaurantes, com capacidade máxima de 50% da ocupação do estabelecimento; distanciamento de dois metros entre as mesas; o fornecimento de álcool 70%, logo na entrada, para higienização das mãos; e o uso obrigatório da máscara.

Para as programações artísticas, estão autorizados, no máximo, dois artistas por apresentação, com uso de máscara. Em locais abertos, o público máximo permitido é de 150 pessoas e para ambientes fechados é de 100 pessoas, com o devido distanciamento social.

A ação conjunta envolve a Defesa Civil, o Programa Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon Aracaju) e a Guarda Municipal de Aracaju (GMA), em uma operação integrada com os demais órgãos da gestão municipal.

Fonte: PMA

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais